segunda-feira, 8 de julho de 2013

O que eu acredito!

E depois de uma conversa com um amigo meu sobre o que ele acha relativamente a uma rapariga que não foi capaz de esperar que ele resolvesse a p*** de confusão em que estava metido, tenho a dizer a minha opinião relativamente a um assunto muito controverso, “o que é válido quando se ama alguém?”:


Ponto 1 – Eu não acredito na “história” do “vale tudo por amor”, eu não acho que seja verdade e há na minha opinião linhas que não se cruzam, independentemente do quanto se ama alguém;

Ponto 2 – Eu não acredito na espera eterna para que algo aconteça, para mim há um tempo em que é possível ficar à espera que a outra pessoa resolva “as m***” que tem para resolver e faça alguma coisa mas, a partir de um determinado momento não é possível parar tudo na nossa vida e esperar para que algo aconteça, sendo bastante clara, ou quer ou não quer! O “Ai eu quero muito mas isto é tudo tão difícil” não é aceitável;

Ponto 3 – Eu acredito que amar é por vezes deixar livre para que a outra pessoa possa ser feliz, nem sempre duas pessoas que se amam podem ser felizes juntas;

Ponto 4 – Ficar com alguém ou manter uma relação só porque é confortável é algo em que não acredito, não critico quem o faz, mas para mim não dá;

Ponto 5 – Eu não sou capaz de esperar por alguém que não gosta de mim o suficiente para fazer alguma coisa quanto a isso, prefiro sofrer horrores e seguir em frente do que viver na espera eterna (isto é um bocadinho o mesmo do ponto 2), se não faz nada é porque não é o homem certo para mim.

XOXO S.


P.S. Talvez daqui a 3 meses, 3 anos... eu mude de opinião mas isto é simplesmente o que eu penso hoje.

2 comentários:

  1. Do 1 ao 5, concordo em tudo. Vejo a coisa tal e qual como mencionaste.

    Bjokas.

    ResponderEliminar
  2. Concordo plenamente..Penso tal e qual..

    ***

    ResponderEliminar