quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Há cada uma...

Hoje enquanto experimentava umas calças na Salsa aconteceu uma situação muito desagradável, cheguei e expliquei à vendedora o que queria e ela que foi uma enorme simpatia prontificou-se logo em ir buscar 3 modelos diferentes dentro do que eu pretendia.

Mas como umas das calças eram de um modelo mais largo ela disse que era preferível eu levar o número a baixo, confesso que os números da salsa me confundem sempre e não entendo porque não numeram aquilo 34/36/38/40 e por aí fora, e muito na dúvida disse então que achava que era o 28, ela lá foi buscar o 28 de dois pares e o 27 do outro.


Como eu sou um bocadinho deficiente as calças para me servirem no rabiosque ficam-me quase sempre enormes na cintura e como estava com a minha mãe saí para fora do provador para ela dar uma opinião e estava a lamentar-me deste facto enquanto a vendedora se oferecia para ir buscar o número abaixo, qual não é o meu espanto quando a mulher que estava no provador da frente sai de lá de dentro e diz para que a que estava com ela “É preciso não ter vergonha na cara para se lamentar e vestir o 27 quando uma pessoa está aqui e não cabe no 33”.

Depois sai disparada dos provadores e eu fiquei ali de boca aberta a olhar para a minha mãe e a minha mãe para mim. Confesso que este género de atitudes me ultrapassa e não consigo entender o que raio é que eu disse que a irritou tanto.

XOXO S.

17 comentários:

  1. Ah é essatua dúvida? O que é que irritou tanto na senhora em questão?
    Eu explico-te: A dita cuja, saiu do provador, viu uma miúda toda giraça, sem pneus e elegante. Ficou toda ruidinha porque deve andar sempre a fazer dietas, e não consegue ser como elegante como tu!! :P

    P.S.- Mas rais parta o raio da atitude da mulher!! Irra!!

    Beijão mana linda*

    ResponderEliminar
  2. Hoje visto o 36, mas em tempos vestia o 44 e sei o quanto isto me custava, se o 44 não me servia(o que acontecia com alguma frequência) não chegava a pedir o 46 com vergonha e para não dizer que usava este nº.
    Por isso se calhar sei o quanto a Srª se sentia frustada, mas óbvio que não tinha que descarregar em ti.
    Beijinhos

    Almofariza

    ResponderEliminar
  3. Numa palavra... gorda :)
    Dizias-lhe que agora há uma cirurgias bariátricas ou de obesidade que resultam genialmente. Só ainda não mudam cerebros mas isso são outros 500.

    ResponderEliminar
  4. A atitude da senhora é lamentável. Para já não era nada com ela e se queria tanto expressar a opinião dela poderia muito bem ter dito que gostaria que essa fosse a sua preocupação, por outras palavra, ser gentil. Ora a forma como agiu é profundamente reprovável.

    ResponderEliminar
  5. Raio da mulher! É preciso ter lata! É só inveja, enfim... Podia muito bem ter ficado calada!

    Beijinho minha querida :)

    ResponderEliminar
  6. eu so respondia : chega-lhe nivea xD

    ResponderEliminar
  7. Isso resume-se muito bem minha querida : Dor de Coto!!!
    Cada um é como é (já agora aproveito para te dizer que sofro da mesma deficiência que tu), se lhe causa ataques de caspa é problema dela. Empina-me esse rabiosque e esse narizito, és linda, lixa-te para essa parvalhona!

    Beijão grande

    ResponderEliminar
  8. What?? A senhora devia ter problemas sérios na cabecinha...bj!

    ResponderEliminar
  9. Pois.. que raio de atitude! Compreendo que até lhe passasse o pensamento pela cabeça (por se sentir mal com ela mesma!), mas era escusado abrir a boca! Tu não tens culpa da má genética e provavel má alimentação da Sra... Eu digo muitas vezes que não posso engordar mais, porque vestia o 32 e agora visto o 34 e não me agrada nada!!!! Cada um sente-se bem à sua maneira....

    ResponderEliminar
  10. É preciso não ter vergonha na cara para fazer esse tipo de comentários a alguém que nunca viu na vida!!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  11. Inveja... mais nada! Ignora que é o melhor que tens a fazer ;)

    Kiss kiss

    ResponderEliminar
  12. Minha querida, sabes o que é inveja? É o que essa senhora tem :)

    ResponderEliminar
  13. Bem sem ter nada a ver com o assunto e para achincalhar a conversa só me faz lembrar uma situação que se passou comigo e que passo a explicar: Estava eu no hospital na sala de recobro (para quem não sabe é o sitio onde ficamos +- 2 horas depois dos filhotes nascerem) e eu completamente "acabada" (pq foi a 9 anos e a epidural na provincia só a conheciamos de nome) cheia de pontos até não haver mais sitio para os levar (promenor simpático) embora eu seja uma mocinha de 27 ou 28 da salsa tenho bébes de 4 ks de parto normal!! Isto para dizer que na cama ao lado estava uma menina acabadinha de ter o seu crianço fresca como uma alface a ligar à mae, tia, prima, madrinha etc a dizer : ó pá não me custou nada!! isto não custa mesmo nadinha!!! E eu na cama ao lado num estado lastimavel q me levantei e desmaiei e só pensava como é que esta "cabra" pode dizer que isto não custa nada!!!! Mas só pensei claro!!! Como disse sem ter nada a ver com o assunto a essencia é a mesma!! Pronto e era isto!! Já alguem viu comparação mais estapafurdia?! Lol

    ResponderEliminar
  14. provavelmente essa situação aconteceu porque a senhora gostava de ter um corpo semelhante ao teu e tal não acontece,. Claro que não tens culpa desse facto,como é óbvio, mas acabaste por ser o alvo da pessoa.

    ResponderEliminar
  15. LOL... estava frustrada com ela propria e descarregou em ti!

    Quanto à tua deficiência com as calças... não desesperes eu sofro da mesma!

    ResponderEliminar